WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
;
o blog artigos curiosidades dicas qualidade de vida fale conosco
outubro 2021
D S T Q Q S S
« jul    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

:: ‘tecnologia’

Médicos que fazem a diferença: o dom de salvar vidas

DA REDAÇÃO

Vontade de ajudar ao próximo e vocação para a profissão são apenas algumas das características desses profissionais que vivem em função de salvar vidas

Trabalhar 24 horas por dia, encontrar forças mesmo na adversidade e não se deixar envolver emocionalmente com o estado de um paciente. Essas são apenas algumas das caraterísticas que tornam os médicos profissionais que carregam uma espécie de dom e têm uma missão: salvar vidas, não importando de quem estamos falando ou quais esforços precisem ser empreendidos.

Sabemos que muitas vezes as condições são bastante adversas. Apesar das melhorias que a saúde em geral tem recebido ao longo dos últimos anos, especialmente por conta da tecnologia e da telemedicina – que se utiliza de metodologias como a telerradiologia – ainda assim as condições de saúde em muitas regiões brasileiras estão muito longe de serem as ideais.

Em alguns hospitais faltam médicos. Onde há médicos, as condições são precárias e faltam leitos, faltam medicamentos e muitas vezes os salários não estão em dia. Porém, o que não falta na maioria das vezes é força de vontade, fé, garra e determinação para superar as adversidades e terminar o dia com mais uma vida salva no currículo. :: LEIA MAIS »

E se fosse possível prever uma doença fatal?

DA REDAÇÃO

POR PETER BONIS*

*Peter Bonis, MD é CMO (Chief Medical Officer) de Efetividade Clínica na Wolters Kluwer

Como seria se computadores pudessem prever quais pacientes possuem maior propensão a desenvolver uma doença terminal? E o que o médico e o paciente deveriam fazer ao receberem tal previsão? Essa é uma realidade de alguma forma já possível? A resposta é sim. Com os algoritmos matemáticos ficando cada vez mais precisos, tudo nos leva a crer que estaremos em breve enfrentando esses desafios.

Recentemente, pesquisadores da Universidade da Flórida extraíram dados dos prontuários eletrônicos relacionados a um grupo de pacientes que cometeram tentativas de suicídio. Com base em técnicas avançadas de análises de dados e aprendizagem de máquina (machine learning,) foi possível identificar, por meio da combinação de fatores, pessoas com tendências a cometerem suicídio. :: LEIA MAIS »

Sedentarismo da nova geração está ligado à tecnologia, dizem especialistas

DA REDAÇÃO

Sofá, smartphone e videogame são mais atraentes para eles do que pedalar, bater bola, correr ou surfar.

O sinal de alerta já está ligado. Fernando Vitor Lima, doutor e professor do Departamento de Esportes da Escola de Educação Física, Fisioterapia e Terapia Ocupacional (EEFFTO) da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) e coordenador do Laboratório do Treinamento na Musculação da instituição, afirma que vários profissionais de educação física relatam que os jovens e as crianças estão aparecendo para as aulas com redução das capacidades físicas e déficits motores básicos, como correr, deslocar-se com destreza, entre outros, o que provavelmente é consequência da falta de exercícios físicos. O sedentarismo desta nova geração está ligado à tecnologia. :: LEIA MAIS »

Gigantes da tecnologia querem usar relógios para combater diabetes

DO TECHTUDO

De acordo com informações da agência de notícias Reuters, as concorrentes vêm dando suas próprias abordagens ao tema. A ideia é fazer com que os sensores dos dispositivos sejam capazes de medir os níveis de glicose dos usuários, sem a necessidade de que as pessoas precisem tirar amostras de sangue para isso.

Samsung Gear Fit, o relógio inteligente firness apresentado no MWC 2014 (Foto: Allan Melo/TechTudo)

A Samsung já tem uma linha de relógios inteligentes, o Google demonstrou o seu no Google I/O e a Apple, por sua vez, vem sendo bastante especulada com um possível iWatch – além de já ter lançado o HealthKit, um sistema para desenvolvedores lançarem ferramentas de saúde para o iOS 8, que também terá um app disso embutido.

No entanto, a adoção de um medidor de glicose não é fácil. Muitas companhias já tentaram rastrear o açúcar do sangue dos usuários de uma forma menos invasiva do que a coleta de amostras, mas quase todas falharam. A melhor maneira ainda é fazer um pequeno furo no dedo da pessoa e checar o sangue.

Eletrossensibilidade: a alergia à tecnologia

DA AGÊNCIA EFE

Os smartphones, as redes wifi e os computadores são alguns dos aparelhos tecnológicos que produzem uma doença conhecida como eletrossensibilidade

São Paulo – As ondas eletromagnéticas estão cada vez mais presentes nas sociedades modernas. Elas provêm de fornos micro-ondas, smartphones, computadores, dispositivos sem fios, redes Wi-Fi e outros muitos aparelhos usados cotidianamente, apesar de já estar demonstrado que podem provocar certa alergia em algumas pessoas mais sensíveis. :: LEIA MAIS »

Brasil é reconhecido como referência em pesquisas e tratamento de doenças tropicais

DA GLOBO VIDEOS/ESPAÇO ABERTO SAÚDE

A revista The Economist apontou o Brasil como o melhor destino para jovens cientistas na área de medicina tropical. O país investe 1% do PIB brasileiro em pesquisas.

Corpo marombado não é mais o ideal de homens e mulheres

DA GLOBO VIDEOS/ESPAÇO ABERTO SAÚDE

Sempre insatisfeitas, as pessoas buscam meios para entrar em forma e mudar seu corpo. Além da tradicional ginástica, as clínicas de estética correm por fora, com a ajuda da tecnologia.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia