WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
;
o blog artigos curiosidades dicas qualidade de vida fale conosco
novembro 2020
D S T Q Q S S
« jul    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930  

:: ‘odontologia’

Quatro problemas bucais que o Botox soluciona

DA REDAÇÃO

capA toxina botulínica é popularmente conhecida por suavizar rugas e linhas de expressão na região da face. Além do fator estético, o procedimento também pode ser utilizado para fins terapêuticos, como solução para doenças causadas pelo excesso de contração dos músculos mastigatórios.

Recentemente, o plenário do CFO (Conselho Federal de Odontologia) aprovou, na sede do Conselho em Brasília, norma que regulamenta o uso da substância toxina botulínica por cirurgiões-dentistas. Confira as dicas do cirurgião-dentista Fernando Buranello, da Esthetic Aligner, sobre tratamentos simplificados pelo uso do Botox: :: LEIA MAIS »

Após o tratamento de canal deve-se fazer restauração

DA REDAÇÃO

photo

* Enzo Fusco Riegert é odontólogo na Oral Clinic, em Vitória da Conquista-BA.

POR ENZO FUSCO RIEGERT*

Um dos motivos é devido às contaminações bacterianas existentes no meio bucal, pela sua condição de se tratar de um local úmido e com milhares de espécies de bactérias.

Existem, basicamente, dois tipos bacterianos, os aeróbios e anaeróbios, ou seja, um grupo de bactérias, que pode viver na presença de oxigênio e são chamadas de aeróbias e outro grupo , que vive em meios com ausência de oxigênio e denominadas de anaeróbias.

Estas bactérias possuem comportamentos e resistências diferentes, mas as anaeróbias são conhecidamente mais resistentes aos medicamentos normalmente usados pelos Cirurgiões Dentistas.

Possuem um poder de contaminação mais efetivo e complexo de atuação. Portanto são mais difíceis de serem destruídas, por outro lado sabemos , que estão presentes e em maior número no interior dos canais radiculares de uma maneira geral. Por estas questões nos dias atuais os tratamentos endodônticos têm sido mais complexos, devido ao comportamento destes microorganismos. :: LEIA MAIS »

Em 10% dos casos, sinusite é causada por problema nos dentes

DO IDEST

Além das doenças bucais, procedimentos odontológicos mal feitos também são fortes candidatos a serem responsáveis pelo aparecimento da sinusite.

A sinusite, tão comum nos dias de hoje, é uma inflamação ou infecção da mucosa do seio maxilar e, em 10% dos casos, pode ser causada por problemas bucais, como cáries, periodontite, cistos entre outros. Mas porque um problema na boca pode causar essa dor tão desagradável na face? :: LEIA MAIS »

Clareamento Dental (Caseiro)

DO IDENT (COLABORAÇÃO DA ORALCLINIC – AV. OTÁVIO SANTOS, AO LADO DO ED. ALTAMIRANDO LIMA – VITÓRIA DA CONQUISTA)

Clareamento dental feito em um paciente do sexo masculino, 29 anos de idade, queixa: Quero me casar com um sorriso bonito (Ortodontia terminada recentemente). Foi proposto o clareamento caseiro, utilizamos 3 seringas de peróxido de carbamida a 20% (Opalescence) durante 15 dias. O paciente fez uso do gel clareador de 6 a 8 horas consecutivas durante a noite. Não houve relato de sensibilidade.

Cor inicial: 3L 1.5 – Cor final: 1M1 – (Escala VITA).

ANTES

DEPOIS

Fazer limpeza bucal no dentista reduz riscos de ataque cardíaco e derrame, indica estudo

DE O GLOBO

Pesquisadores de Taiwan analisaram dados de mais de cem mil pessoas

RIO – De acordo com dados compilados por pesquisadores em Taiwan, pessoas que costumam ir ao dentista para fazer limpeza bucal têm 24% menos risco de sofrer um ataque cardíaco e 13% menos risco de ter um derrame, comparadas com quem nunca fez uma limpeza dental. Falta de higiene bucal tem sido associada a um aumento do risco de doenças cardíacas.

Os pesquisadores, que apresentaram suas conclusões no Encontro Científico da Associação Americana do Coração no último domingo, afirmam que limpeza bucal feita profissionais parece reduzir o crescimento de bactérias causadoras de inflamação que podem causar problemas no coração. :: LEIA MAIS »

Tratamento revolucionário para cáries não dói e regenera o dente

DO DIÁRIO DA SAÚDE

POR PAULA GOULD

Dentista sem dor

Cientistas descobriram uma forma indolor de combater a cárie dentária, que reverte os danos e ainda regenera os dentes, deixando-os como novos.

Repetindo, sem dor.

O aparente milagre foi conseguido pela equipe da Dra. Jennifer Kirkham, da Universidade de Leeds, no Reino Unido, e consiste em uma nova técnica de preenchimento do dente.

Fugindo do dentista

A cárie dentária começa quando o ácido produzido pelas bactérias na placa dissolve o mineral nos dentes, causando furos microscópicos ou “poros”. O processo progride conforme esses microporos aumentam em número e tamanho. :: LEIA MAIS »

Escovação noturna é mais eficiente

DO DS

Os cremes dentais fluoretados têm efeito anticárie, e, quanto mais vezes os dentes forem escovados, maior será a proteção. Agora, pesquisa da Faculdade de odontologia de Piracicaba (FOP), da Unicamp, mostrou que a escovação noturna é a mais eficiente no combate à cárie.

O estudo foi realizado através da medição da perda mineral em dois substratos: a dentina e o esmalte dental. O material foi submetido a um alto desafio cariogênico, caracterizado pelo acúmulo de biofilme dental (placa) e exposição a açúcar oito vezes ao dia. :: LEIA MAIS »

A Dieta e suas influências na Saúde Bucal

DO IDENT

Quanto mais refinado o açúcar, maior a sua probabilidade de provocar cáries

A cárie dentária tem etiologia multifatorial. Para se iniciar o processo carioso é necessária a interação de alguns fatores como uma dieta rica em açúcar, principalmente carboidratos simples; microbiota bucal favorável, condição do hospedeiro e o tempo. Destes, a dieta cariogênica é muito importante para o início e evolução da cárie dentária, visto que a microbiota já está presente na cavidade oral e necessita apenas de estímulo (açúcar) para produzir ácidos que desmineralizará a estrutura dentária.

Por outro lado, da mesma forma que existem alimentos que concorrem para o aparecimento da cárie, existem também alimentos que impedem o início do processo carioso através de vários fatores químicos e físicos como a ação microbiana; a consistência do alimento que estimula o aumento da secreção salivar, ajudando na remoção de microorganismos da cavidade oral; a presença de substâncias fosfatadas que impedem a queda do ph durante a ingestão do alimento, além de promover o restabelecimento do ph bucal mais rápido em relação á ingestão de outros alimentos. :: LEIA MAIS »

Dente artificial poderá substituir dentaduras

DO DS

Quem diria que a computação gráfica traria de volta o sorriso ao rosto de muitas pessoas. Cientistas da Universidade Federal do Estado de São Paulo (UNIFESP) conseguiram, com ajuda da computação gráfica tridimensional, confeccionar estruturas de dente com proporções fiéis aos dos seres humanos.

A reprodução fidedigna do dente humano foi feita por meio do processo de fabricação aditiva, técnica que utiliza modelos computacionais. Os pesquisadores acreditam que a nova técnica permitirá a aposentadoria da dentadura, dando lugar à chamada terceira dentição. Essa aconteceria quando os dentes artificiais substituiriam os dentes naturais “permanentes” em caso de queda por acidente ou doença. :: LEIA MAIS »

Aparelhos ortodônticos podem ser ‘reservatórios’ de bactérias

DO EUREKALERT

Aparelhos ortodônticos podem reter mais do que restos de comida na armação. Um estudo recente encontrou micróbios potencialmente patogênicos em pelo menos 50% dos aparelhos estudados pela equipe.

A boca humana é repleta de bactérias, e algumas delas até mesmo ajudam a manter a boa saúde bucal. Os cientistas analisaram a presença de bactérias que normalmente não deveriam estar dentro da boca, dando destaque às espécies Candida e Staphylococcus. Essas bactérias são especialmente problemáticas para pessoas que têm o sistema imunológico comprometido e podem ser muito resistentes a antibióticos. :: LEIA MAIS »

Laser de pulso ultracurto melhora precisão de tratamento odontológico

DA AGÊNCIA USP

POR JÚLIO BERNARDES

Cientistas da USP estão testando o uso odontológico de lasers capazes de emitir pulsos na faixa dos picossegundos e femtossegundos. Imagem: Ag.USP

Tratamento de dentes a laser

O uso odontológico de lasers com pulsos ultracurtos, experimentado na Faculdade de Odontologia (FO) da USP, poderá realizar remoção de cárie de modo mais preciso e sem causar grandes alterações na superfície dos dentes.

No método testado pela dentista Marina Stella Bello Silva, os pulsos mais rápidos atingem uma área menor e possuem uma interação diferenciada com a superfície, que não coloca em risco o tecido dental.

A técnica, ainda não adotada clinicamente, poderá ser usada em aplicações que os lasers comuns não são adotados, como preparo de sítio de implantes e em microcirurgias. :: LEIA MAIS »

Casca de ovo de crocodilo pode ser útil em tratamento dental

DA FOLHA ONLINE DA EFE, EM BANCOC

Cientistas tailandeses descobriram na casca de ovo de crocodilo uma rica fonte de hidroxiapatita, substância rica em cálcio empregada em implantes de dente e no tratamento de fraturas ósseas, informou nesta segunda-feira a imprensa local.
A descoberta foi feita por uma equipe de farmacêuticos da Universidade de Kasetsart, após uma pesquisa de quase três anos com ovos procedentes dos maiores criadores de crocodilos da Tailândia.

Segundo o professor Sutatip Sirisarnpisart, em um grama de casca de ovo de crocodilo há cerca de 70% de hidroxiapatita, substância que a indústria farmacêutica internacional extrai, atualmente, da casca de ovos de galinhas. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia