WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
;
o blog artigos curiosidades dicas qualidade de vida fale conosco
setembro 2020
D S T Q Q S S
« jul    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
27282930  

:: ‘gravidez’

Refrigerante durante a gravidez aumenta o risco de obesidade infantil

DA REDAÇÃO

*Osvalmir Sá é médico nutrólogo da Corpometria, de Brasília-DF.

Estudo aponta que mulheres que consomem bebidas açucaradas sem dieta durante a gestação são mais propensas a terem filhos com excesso de gordura corporal

Em meio ao cenário de epidemia da obesidade infantil, manter uma alimentação saudável na gravidez é fundamental para o desenvolvimento do bebê e a manutenção da saúde da mãe. Um estudo realizado em Boston, o Beverage Intake During Pregnancy and Childhood Adiposity, denominado Projeto Viva, acompanhou 1078 mulheres grávidas e também os seus filhos, após o nascimento.

Publicada na edição de agosto da revista Pediatrics, a pesquisa comparou as mulheres que ingeriam bebidas açucaradas, como refrigerantes e sucos adoçados artificialmente, a outras que não consumiam este tipo de bebidas ao longo da gestação. Os filhos pertencentes ao grupo de mães que consumiu maiores quantidades de bebidas açucaradas apresentaram, por volta dos 7 anos de idade, maior concentração de gordura corporal. :: LEIA MAIS »

Cuidados com a Postura durante a Gravidez

DA REDAÇÃO

A alegria pela chegada do bebê cresce a cada dia. No mesmo ritmo, está crescendo a sua barriga. E isto costuma trazer desconfortos. Alguns podem ser evitados e outros você consegue atenuar, tomando certos cuidados básicos.

Primeiro, vamos lembrar o que acontece: o útero volumoso acaba comprimindo a veia cava inferior, o que dificulta o retorno do sangue. Conseqüência disto? As pernas ficam mais pesadas. O organismo passa a reter líquido que, junto às alterações hormonais, causa o aparecimento de inchaços nos tornozelos, nas mãos e, em alguns casos, também nos joelhos. :: LEIA MAIS »

Como surgem as estrias

DA REDAÇÃO

As estrias atróficas são lesões decorrentes da degeneração das fibras elásticas da pele que ocorrem por sua distensão exagerada ou devido a alterações hormonais e nutricionais (com circulação deficiente). É comum o surgimento durante a puberdade em decorrência do crescimento acelerado nesta fase da vida e também na obesidade e gravidez.

O problema pode atingir os dois sexos, porém é mais freqüente no sexo feminino, sendo uma das principais queixas estética entre as mulheres.

02A ruptura das fibras forma lesões lineares, geralmente paralelas, que podem variar de um a vários centímetros de extensão. Surgem principalmente nas coxas, nádegas, abdômen (gravidez), mamas e dorso do tronco (homens). inicialmente, as lesões são avermelhadas ou róseas evoluindo mais tarde para uma tonalidade esbranquiçada (pelo menos um ano após início).

Em pessoas de pele morena as estrias podem ser mais escuras que a pele sadia. A pele na área afetada tem consistência frouxa. O surgimento das estrias depende, em grande parte, de uma tendência pessoal. :: LEIA MAIS »

Seis dicas para reduzir dores nas costas na gravidez

DA REDAÇÃO

A gravidez é um momento mágico para as mulheres. Cada mudança no corpo e cada descoberta tem o poder de enchê-las de alegria. No entanto, dores nas costas teimam em incomodá-las.

Repouso e mudança de posição podem diminiur as dores nas costas durante gravidez

Repouso e mudança de posição podem diminiur as dores nas costas durante gravidez

“A dor geralmente ocorre devido a alterações posturais decorrentes da gestação, aumento da frouxidão ligamentar e diminuição da função abdominal”, disse a fisioterapeuta Deborah Supino. “Os sintomas de dor lombar geralmente pioram com a fadiga muscular devido a posturas estáticas ou à medida que vai passando o dia, mas são geralmente aliviados com repouso ou mudança de posição.”

Confira abaixo seis dicas de como aliviar o desconforto ao executar tarefas rotineiras, como deitar, caminhar e permanecer de pé, segundo Deborah:

1) Deitar: É recomendado o uso de travesseiros entre os joelhos quando deitar de lado. Caso queira dormir com a barriga para cima, embora essa posição seja desaconselhada por períodos prolongados (principalmente no fim da gravidez), coloque travesseiros sob os joelhos dobrados.

2) Sentar: As nádegas devem ficar bem ao fundo do assento da cadeira ou do sofá, com quadril, joelhos e tornozelos formando um ângulo de 90°. Colocar uma almofada ou um apoio na lombar é uma boa dica para aliviar a dor nas costas.

3) Ficar em pé: Se precisar ficar em pé durante muito tempo, coloque um pé à frente e o apoie em um suporte mais elevado.

4) Caminhar: Caminhar ereta colabora com o alívio de desconfortos nas costas.

5) Abaixar-se: Evite abaixar-se, pode causar queda brusca de pressão arterial.

6) Pesos: Não erga objetos grandes e pesados.

Falta de higiene bucal pode causar parto prematuro, alertam especialistas

DO R7

Maioria das mulheres desconhece a importância do pré-natal odontológico

Ser mãe faz parte do sonho da maioria das mulheres e, quando chega o tão esperado momento de planejar a vinda do filho, o primeiro passo é visitar o ginecologista para desvendar os “segredos” da maternidade. Mas, o problema é que elas esquecem que a saúde bucal também merece atenção especial e que a falta de cuidados com os dentes pode acarretar parto prematuro, quadros de pré-eclâmpsia (pressão alta) e até prejuízos ao bebê.

Provavelmente, você ficou surpreso com a relação de saúde bucal e gravidez, o que não é de se espantar. No Dia Mundial da Saúde Bucal, comemorado nesta quinta-feira (20), os especialistas ouvidos pelo R7 alertam que a maioria das mulheres desconhece a importância do pré-natal odontológico.

“Mau hálito pode provocar separação e até problemas no trabalho”, avisa dentista

Exemplo disso é o da fisioterapeuta Fernanda Cavalcanti Lima, 34 anos, grávida de oito meses de Joaquim. Antes de engravidar, ela conta que seguiu todas as recomendações médicas — como ingestão de ácido fólico e vitaminas — para o perfeito desenvolvimento do bebê, mas admite que não se lembrou de visitar o dentista. :: LEIA MAIS »

Como melhorar a autoestima da mulher durante a gravidez

DO GUIA SAÚDE

Quando uma mulher fica grávida ela começa a se preocupar com as finanças, com a forma como criará o seu bebê, decoração do quartinho e do enxoval e muitas outras coisas. Quando o tempo vai passando começam os enjôos (náuseas) e quando a barriga começa a crescer, os hormônios e as mudanças de humor acabam fazendo com que ela pense que está feia, gorda e maltratada, isso acaba com a sua autoestima.

Muitas pessoas se perguntam como melhorar a autoestima da mulher durante a gravidez, para isso basta que ela cuide da alimentação, tenha hábitos saudáveis, pratique exercícios físicos, compre roupas para gestantes novas, bonitas e modernas, saia com o marido, se divirta com a família, use hidratante no corpo para evitar estrias e o principal é que ela ponha em sua cabeça que a sua gravidez irá durar apenas nove meses, ou seja, ela não vai durar para sempre e ainda trará um bebê lindo e maravilhoso. :: LEIA MAIS »

Teste detecta síndrome de Down durante gravidez com ‘mais precisão’

DA BBC BRASIL
POR CAROLINE PARKINSON

Novos estudos ainda serão realizados para que o exame seja disponibilizado ao público

Uma equipe de cientistas britânicos desenvolveu um novo exame que promete detectar, mais cedo e com mais precisão, a síndrome de Down durante a gravidez.A equipe da universidade Kings College de Londres, responsável pela pesquisa, analisou o sangue de 1 mil grávidas e concluiu que o novo teste, chamado exame de DNA fetal (cfDNA, na sigla em inglês), pode mostrar “quase que com certeza” se o bebê é portador do distúrbio genético. :: LEIA MAIS »

Ácido fólico na gravidez pode reduzir risco de autismo em bebés

DO DIÁRIO DIGITAL

Um estudo feito pela Universidade da Califórnia (EUA) concluiu que consumir suplementos alimentares de ácido fólico durante a gravidez reduz as probabilidades de o bebé nascer com autismo. Os resultados foram publicados no The Journal of The American Association (JAMA) e fornecem evidências que reforçam a importância do suplemento dessa vitamina durante a gestação.

Os cientistas basearam-se nos dados de 85.176 bebés inscritos no Estudo de Corte de Mães e Crianças Norueguesas, o maior trabalho já feito sobre a influência de factores genéticos e ambientais na incidência de doenças neurológicas. Os pais dessas crianças também participaram da pesquisa. A equipa acompanhou as crianças entre três e dez anos após o seu nascimento e observou que 270 delas apresentaram algum transtorno do espectro autista. :: LEIA MAIS »

Mulheres devem esperar um ano para engravidar após cirurgia bariátrica

Ó ideal é que a gestação só aconteça um ano após cirurgia bariátrica

DO DIÁRIO DA SAÚDE

Gravidez e cirurgia bariátrica

Mulheres submetidas a cirurgia para perda de peso devem esperar pelo menos 12 meses antes de tentar ter um bebê.

Além disso, elas precisam de informações detalhadas e aconselhamento sobre questões reprodutivas.

A recomendação foi feita por especialistas que revisaram casos documentados em artigos científicos sobre o assunto. :: LEIA MAIS »

Saiba o que é mito e o que é verdade sobre o contato com animais durante a gravidez

DO UOL
POR IVONETE LUCIRIO

Pobres amigos de duas e quatro patas. Basta a mulher descobrir que está grávida para olhar com desconfiança para os animais. “Será que eles podem fazer mal para o meu bebê enquanto ele ainda está na barriga?”, pergunta-se a futura mãe. A preocupação tem lógica. Algumas doenças especialmente graves na gestação podem ser transmitidas, principalmente, pelas fezes dos animais. Mas o risco não é tão grande quanto se pinta. Tomados os devidos cuidados, os animais podem ser bons companheiros durante os nove meses.

Uma pesquisa realizada pela Universidade de Liverpool, na Inglaterra, e divulgada em fevereiro passado, mostrou que gestantes que têm cachorro tendem a manter os níveis ideais de atividade física durante a gestação. :: LEIA MAIS »

Qual é a melhor idade para se ter filhos?

DO MY HEALTH NEWS DAILY

Um novo estudo desenvolvido na Universidade da California (EUA) avaliou 107 pessoas que se tornaram pais depois dos 40 anos, debatendo a idade em que essas pessoas tiveram filhos. De acordo com os participantes, a melhor época da vida para virar mãe ou pai é aos 30 anos.

Essas pessoas afirmaram que ter filhos em idade mais avançada tem mais vantagens do que desvantagens, como maior estabilidade financeira, relacionamentos mais fortes com família e parceiro e maior sucesso e flexibilidade na carreira.

Um dos homens que participou da pesquisa afirmou se conhecer mais aos 40 anos do que se conhecia aos 20. “Eu sinto que eu estou em uma posição melhor para me comunicar com o meu filho e ajudá-lo mais na vida, e eu entendo como ser um pai que demonstra apoio e encorajamento”. :: LEIA MAIS »

Você realmente sabe usar a camisinha? Confira os erros mais comuns

DO LIVE SCIENCE

A camisinha é o método contraceptivo mais usado em todo mundo. Além de ajudar a evitar gravidezes indesejadas, a camisinha protege contra a transmissão de doenças sexualmente transmissíveis. Mas para que ela seja eficaz, é extremamente importante que ela seja usada corretamente.

Um artigo publicado no periódico Sexual Health fez uma revisão de 50 estudos que abordavam erros de uso da camisinha em todo mundo. Confira a lista abaixo:

1 – Colocar a camisinha após a relação sexual ter sido iniciada – entre 17% e 51,1% dos participantes dos estudos já tiveram essa atitude.

2 – Remoção antecipada – entre 13,6% e 44,7% dos participantes já removeram a camisinha antes de a relação ter terminado. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia