‘Curiosidades da Medicina’

Saiba mais sobre o TOC (Transtorno Obsessivo-Compulsivo)

YOU TUBE/PÍLULAS DE SAÚDE

Entrevista com o Psiquiatra Eduardo Aliente Perin e a Psicóloga Larissa Miranda, que desvendam o TOC, Transtorno Obsessivo Compulsivo.

Garota britânica descobre aos 17 anos que não tem vagina

DO G1

Síndrome rara faz com que jovem também não tenha útero. Apesar do problema, aparência externa de seu órgão genital é normal.

A britânica Jacqui Beck descobriu síndrome rara, que faz com que não tenha útero ou vagina, aos 17 anos. (Foto: Jacqui Beck/Arquivo pessoal/Iber Press)

A jovem britânica Jacqui Beck ficou em choque ao descobrir, aos 17 anos de idade, que não tinha vagina. Seus médicos identificaram na adolescente uma síndrome rara chamada MRKH (sigla para Mayer-Rokitansky-Küster-Hauser) – agenesia de vagina e útero, depois que ela comentou, em uma consulta rotineira, que ainda não havia menstruado, de acordo com informações do jornal “Daily Mail”.

A condição faz com que ela não tenha útero nem vagina, apesar de ter ovários normais. A demora na identificação do problema é comum em casos como o de Jacqui, já que a aparência externa do órgão genital é completamente normal.

A diferença é que, no lugar onde deveria haver a abertura vaginal, existe apenas uma pequena cavidade. Por esse motivo, as pacientes descobrem a síndrome somente quando tentam fazer sexo ou quando procuram um médico para investigarem o fato de ainda não terem menstruado. + | Leia a matéria completa »

Somos mais desonestos à tarde

DA REDAÇÃO DO ACESSEMED

Dois pesquisadores de ética, um  da Universidade de Harvard-EUA  - Maryam Kouchaki  e outro da Universidade de Utah -  Isaac Smith, realizaram uma análise sobre o autocontrole das pessoas cujo resultado  revelou que as pessoas tendem a ser mais desonestas à tarde do que de manhã.

Foram feitos experimentos examinando vários comportamentos antiéticos, como mentir, roubar e enganar. Os pesquisadores perceberam que as experiências realizadas na parte da manhã resultam sistematicamente em menores casos de comportamento antiético.

A conclusão do estudo foi que com o decorrer do dia, acrescendo fatores como cansaço e desgaste emocional,  no final da tarde as pessoas estão mais propensas a trapacear e abreviar soluções para seus problemas, que podem, muitas vezes ser consideradas fruto de um caráter desonesto.

 

 

Seu lado esquerdo é o seu melhor lado

DA UNIVERSIDADE WAKE FOREST (EUA)

Leonardo da Vinci parecia saber qual é o melhor lado de uma mulher.

Beleza de esquerda

A sua melhor parte pode ser a sua bochecha esquerda.

Pelo menos no que se refere à sua aparência.

Um estudo demonstrou que fotografias do lado esquerdo do rosto são percebidas e avaliadas como sendo mais belas e mais agradáveis do que as imagens do lado direito da mesma pessoa.

Isso pode se dever ao fato de que apresentamos uma maior intensidade das emoções no lado esquerdo do nosso rosto.

Pelo menos esta é a hipótese levantada pelos pesquisadores Kelsey Blackburn e James Schirillo, da Universidade Wake Forest (EUA). + | Leia a matéria completa »

Com doença degenerativa, ator Guilherme Karan vive em completo isolamento

DE O DIA ONLINE

Com informações da repórter Fernanda Aranda, do IG

RioHá alguns meses, Guilherme Karan (foto) vive em completo isolamento. Desde sua participação na novela “América”, em 2005, o ator de 54 anos não pôde dar continuidade em sua carreira, tampouco sair de casa, em razão de uma doença degenerativa raríssima chamada Machado-Joseph.

A síndrome neurológica hereditária costuma dar seus primeiros sinais a partir dos 35 anos e compromete funções cerebrais: a mãe e um dos irmãos do ator morreram do mesmo mal. “Ele está numa cadeira de rodas, muito deprimido, não quer falar com ninguém, e alterna momentos de lucidez”, disse o pai de Guilherme, Alfredo Karan, por meio de seu secretário particular.

Sem cura, a anomalia compromete também a deglutição, mas não prejudica a inteligência ou memória. “Ele não assiste televisão para não se lembrar do passado”, acrescenta Alfredo, que lhe presta total assistência como o acompanhamento diário de enfermeiros e sessões de fisioterapia – o único momento em que o ator entra em contato com o mundo externo. + | Leia a matéria completa »

Malária chegou à América do Sul com navios negreiros, diz estudo

DA BBC BRASIL

Mapa desenvolvido durante a pesquisa mostra a disseminação da doença

Pesquisa aponta evidências científicas sobre a chegada da malária ao continente

A disseminação da doença, que afeta meio bilhão de pessoas em todo mundo a cada ano, era objeto de debate entre os pesquisadores.

A propagação da doença nas Américas por meio dos escravos africanos ou dos colonizadores europeus já era uma possibilidade aventada. Até agora, no entanto, hão havia evidências científicas sobre a chegada da malária ao continente.

A descoberta feita pela equipe do professor Francisco Ayala, que colheu amostras de sangue humano infectado em 24 regiões afetadas, na África, no Oriente Médio, no Sudeste Asiático e na América do Sul.

Os detalhes do estudo estão na publicação Proceedings of the National Academy of Science (PNAS).

Diferença genética
Até o momento, são conhecidas cinco espécies de parasitas causadores da doença. O mais letal e presente na maioria das regiões afetadas é o Plasmodium falciparum.

Com doença rara, mulher cai no chão sempre que o celular toca

DE O DIA ONLINE

Londres (Inglaterra) – A maioria das pessoas adora surpresas, mas o que é alegria para uns é uma agonia para a britânica Caitlin Wallace, que “desmaia” sempre que algo inesperado acontece. Aos 26 anos, ela sofre de cataplexia, momentos de extrema emoção causam fraqueza muscular. Isto pode variar de um relaxamento dos músculos faciais e fraqueza nos joelhos, chegando ao colapso total.

Qualquer supresa faz a jovem ter um colapso

Riso, raiva, emoção e medo podem causar reações, mas para a jovem o problema é quando acontece sem prévio aviso. Coisas simples como seu telefone tocando ou cartas aparecendo em baixo da porta, podem causar um colapso em que ela perde o controle de todos os seus músculos, cai no chão e fica paralisada por vários minutos, ela já chegou a ter até 20 ataques em um dia. + | Leia a matéria completa »

Menino é proibido de rir para não ter ataque do coração

DO MAIL ONLINE HEALTH

Rir faz bem à saúde. Mas, isso não serve para todo mundo.

Um menino, de apenas sete anos de idade, foi proibido de dar risada para evitar o risco de ter um ataque do coração.

Bradley Burhouse tem frequência cardíaca de até 200 batimentos por minuto, duas vezes mais rápida que a de um adulto em repouso.

Para diminuir a chance do menino morrer, ele tem que ficam sempre calmo.

A situação é bem ruim, pois também não pode fazer exercícios físicos nem brincar como uma criança normal. + | Leia a matéria completa »

Porque existem pessoas violentas?

DA REDAÇÃO DO ACESSEMED.COM.BR

POR *ANTÔNIO DE ANDRADE

Quando uma pessoa violenta é analisada por um Psicólogo ou Psiquiatra, é comum ser encontrado, dentre outras coisas, um sentimento de rejeição, indicando que ela não se sentiu aceita pelas outras pessoas com as quais conviveu, em sua infância e adolescência. Ao chegar à vida adulta, geralmente ela buscará situações nas quais as outras pessoas não a aceitem, continuando a sentir-se rejeitada, por baixo, com o orgulho abalado, sentindo-se inferiorizada, olhando as outras pessoas como superiores a ela.

Para mostrar que tem algum valor irá esforçar-se ao máximo para tentar provar aos outros (e inconscientemente a si própria) que tem algum valor, compensando o sentimento de inferioridade. + | Leia a matéria completa »

Seu filho é um pequeno cientista

DA REVISTA CRESCER

Exatamente! Basta observar a maneira como ele brinca

Quando o seu filho estiver brincando, pare para observar: ele provavelmente tenta encaixar peças diferentes na mesma parte do jogo, mesmo já tendo descoberto como é “o certo”.

Esse jeito de testar tudo é muito parecido com a maneira que os cientistastrabalham, foi o que descobriu um estudo feito pelo MIT (Instituto de Tecnologia de Massachussets) e pela Stanford University, ambos nos Estados Unidos, que observou 60 crianças entre 4 e 5 anos brincando. “É comum nesta idade o aprendizado por tentativa e erro. + | Leia a matéria completa »

Por que a viagem de volta parece ser mais curta do que a ida?

DO DS

A volta é mais perto do que a ida

Ao voltar de uma viagem a um local onde você nunca fora, é provável que você tenha sentido que a viagem de volta parece ser muito mais rápida do que a viagem de ida.

O fenômeno é largamente relatado, seja em viagens de carro, de ônibus ou de avião. É claro que, na verdade, nos dois trajetos, você percorre a mesma distância, em um tempo muito semelhante. + | Leia a matéria completa »

Pessoas que se sentem amadas dão menos valor às coisas materiais

DO DS

Amor e aceitação

Pessoas que se sentem mais seguras em receber amor e aceitação por parte dos outros atribuem menos valor monetário aos seus bens.

A conclusão é de um estudo realizado por cientistas das universidades de New Hampshire e Yale, nos EUA, liderados pelo Dr. Edward Lemay.

Os pesquisadores descobriram que as pessoas com sentimentos de segurança interpessoal mais intensos – uma sensação de ser amado e aceito pelos outros – acreditam que seus bens têm menos valor do que as pessoas que não compartilham desses sentimentos. + | Leia a matéria completa »

Crianças sabem dividir

DA ASSOCIATION FOR PSYCHOLOGICAL SCIENCE

Por incrível que pareça, a divisão é a operação matemática mais fácil para as criancinhas. É só observar , por exemplo, dois irmãos. Ai da mãe, se for distribuir bombons, e não fizer uma divisão justa... terá de ouvir muitos resmungos!

Ao realizar atividades juntas, crianças preferem dividir os ganhos, mesmo quando poderiam ficar com tudo para elas mesmas – é o que afirma um estudo publicado no periódico Psychological Science.

O estudo foi inspirado por uma pesquisa que estava sendo feita com chipanzés. Eles não conseguem trabalhar juntos porque normalmente competem por comida. Até mesmo em situações que envolviam recompensas os animais encontravam problemas em cooperarem um com o outro.

O estudo realizado com crianças foi feito por Felix Warneken, da Universidade de Harvard, Karoline Lohse, da Universidade de Gottingen e Alicia P. Mellis e Michael Tomasello, do Max Planck Institute dor Evolutionary Anthropology. O objetivo era ver como seria o comportamento de crianças em situações em que tivessem que dividir prêmios obtidos através de uma tarefa que não podiam realizar sozinhas. + | Leia a matéria completa »

Qual é o significado do choro do seu bebê?

DO GUIA DO BEBÊ

O desespero e a angústia passam a conviver com a mamãe que acaba de chegar da maternidade e descobre que chorar é o que seu pequeno mais sabe fazer. As dúvidas aparecem: o que ele tem? O que eu faço? Por que não pára de chorar?

Calma, mamãe, os primeiros dias são difíceis, você e o seu bebê estão se conhecendo. Mas a convivência fará você descobrir que o bebê chora de diferentes jeitos, que cada choro tem o seu significado e qual a maneira de satisfazer suas necessidades. + | Leia a matéria completa »

Chopin provavelmente tinha epilepsia, dizem pesquisadores

DA BBC

Esta é a única fotografia conhecida de Chopin, que sofria de alucinações visuais.

Alucinações visuais

Um estudo realizado por pesquisadores espanhóis indica que o compositor erudito Frédéric Chopin (1810-1849), que sofreu de alucinações visuais durante toda a sua vida, provavelmente tinha epilepsia.

De acordo com a pesquisa, divulgada pela publicação especializada Medical Humanities, o tipo e a frequência de alucinações que o compositor apresentava é comum em pacientes com epilepsia do lobo temporal.

Outros pesquisadores atribuíram seus surtos de melancolia a transtorno bipolar e depressão.

Chopin ficou conhecido como um artista frágil e sensível e se tornou um dos maiores símbolos do romantismo na arte. + | Leia a matéria completa »

Páginas: 1 2 3 Próximas




Links