WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
;
o blog artigos curiosidades dicas qualidade de vida fale conosco
janeiro 2018
D S T Q Q S S
« dez   maio »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  

:: jan/2018

Exercícios faciais fazem mulheres parecerem mais joviais

DA REDAÇÃO

Um programa de exercícios faciais de 30 minutos, mantido durante 20 semanas em dias seguidos ou alternados, melhorou a aparência facial de mulheres de meia-idade, resultando em uma aparência mais jovem na área das bochechas e lábio superior.

Este é o primeiro estudo científico a testar a premissa de que exercícios faciais podem melhorar a aparência.

“Agora há algumas evidências de que os exercícios faciais podem melhorar a aparência facial e reduzir alguns sinais visíveis de envelhecimento. Os exercícios ampliam e fortalecem os músculos faciais, de modo que o rosto torna-se mais firme e mais tonificado e moldado como um rosto mais jovem. :: LEIA MAIS »

Por que a OMS decidiu classificar o vício em games como transtorno mental

DA REDAÇÃO

POR LUIZA BANDEIRA

Desordem fará parte da nova Classificação Internacional de Doenças, que será publicada em 2018. Inclusão não gera consenso entre especialistas

A OMS (Organização Mundial da Saúde) decidiu incluir o vício em jogar games em sua lista de transtornos mentais. A desordem fará parte da nova Classificação Internacional de Doenças, a chamada CID-11, que será publicada em 2018.

Ao adicionar o transtorno à sua lista de doenças, a OMS afirma que esse é um diagnóstico oficial, que pode ser usado por médicos e outros profissionais de saúde. A CID foi divulgada pela primeira vez em 1983 e está, atualmente, em sua décima versão, de 1990. :: LEIA MAIS »

Viagens longas aumentam o risco de trombose

DA REDAÇÃO

POR RAQUEL SARAIVA

Dica é se movimentar, pelo menos, a cada duas horas

Aos 25 anos, é normal sentir dores nas pernas após uma noite na balada ou depois de praticar esportes intensamente. No entanto, no caso de Ravena Carvalho, o motivo da dor em uma perna era outro. A dentista, hoje com 28 anos, sofreu uma trombose em 2014, durante um vôo de Salvador para Miami, nos Estados Unidos. Isso ocorre porque, durante uma viagem longa, o sangue fica muito tempo represado nas veias da perna.

O médico neurologista Maurício Hoshino, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, explica que é justamente a contração da musculatura das pernas que faz o sangue ser bombeado de volta para o coração. Quando isso não acontece, aumenta a probabilidade de a pessoa desenvolver uma trombose.

“Eu tive uma dor esporádica e pontual na perna. Passei 15 dias viajando, quando retornei vi que a perna tinha ficado roxa no local da dor. Procurei um angiologista, que identificou a trombose após um exame”, lembra a jovem. :: LEIA MAIS »



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia