WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
;
o blog artigos curiosidades dicas qualidade de vida fale conosco
março 2011
D S T Q Q S S
« fev   abr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  

:: 2/mar/2011 . 10:12

Dica de filme sobre saúde

DA REDAÇÃO DO ACESSEMED.COM.BR

TEMPO DE DESPERTAR  (baseado em fatos reais)

Bronx, 1969. Malcolm Sayer (Robin Williams) é um neurologista que conseguiu emprego em um hospital psiquiátrico. Lá ele encontra vários pacientes que aparentemente estão catatônicos, mas Sayer sente que eles estão só “adormecidos” e que se forem medicados da maneira certa poderão ser despertados.

Assim pesquisa bem o assunto e chega à conclusão de que a L-DOPA, uma nova droga que já estava sendo usada para pacientes com o Mal de Parkinson, deve ser o medicamento ideal para estes casos.

No entanto, ao levar o assunto para o diretor, ele autoriza que apenas um paciente seja submetido ao tratamento. Imediatamente Sayer escolhe Leonard Lowe (Robert De Niro), que há décadas estava “adormecido”. Gradualmente Lowe se recupera e isto encoraja Sayer em administrar L-DOPA nos outros pacientes, sob sua supervisão. Logo os pacientes mostram sinais de melhora e também mostram-se ansiosos em recuperar o tempo perdido. Mas, infelizmente, Lowe começa a apresentar estranhos e perigosos efeitos colaterais. :: LEIA MAIS »

Zinco pode ser benéfico contra resfriados

DA BBC

No tempo certo

Tomar zinco em forma de xarope ou comprimidos pode diminuir a gravidade e a duração dos resfriados comuns.

O estudo, publicado na Cochrane Reviews, afirma que a administração de zinco até um dia depois do início dos sintomas do resfriado acelera a recuperação.

A Cochrane Reviews publica consolidações de várias pesquisas sobre o mesmo tempo, em que uma equipe revisa os estudos e verifica se é possível chegar a uma conclusão geral.

A substância também pode ajudar na prevenção dos resfriados, afirmam os autores do estudo, que inclui informações de 15 testes feitos com 1.360 pessoas. :: LEIA MAIS »

Novo equipamento muda a forma de medir pressão sanguínea

DO DS

O equipamento será particularmente útil para as pessoas mais jovens, nas quais a pressão medida no braço às vezes pode ser bastante exagerada quando comparada com a pressão sistólica central. Imagem: University of Leicester

Pressão em pessoas jovens

Cientistas desenvolveram uma nova forma, mais precisa, para medir a pressão sanguínea, o que dará aos médicos informações melhor fundamentadas para embasar suas decisões sobre o tratamento.

O equipamento, inventado por cientistas da Grã-Bretanha e de Cingapura, permite uma leitura mais precisa do que o método atualmente utilizado.

O equipamento será particularmente útil para as pessoas mais jovens, nas quais a pressão medida no braço às vezes pode ser bastante exagerada quando comparada com a pressão sistólica central.

Pressão sistólica central

Este é o primeiro aparelho economicamente viável e tecnicamente seguro capaz de medir a pressão arterial bem junto ao coração – a chamada pressão aórtica sistólica central ou CASP (Central Aortic Systolic Pressure). :: LEIA MAIS »

Parto induzido aumenta risco para mulheres e bebês

DO DS

"Por que colocar você e seu bebê em risco se você não precisa fazer isso?", pergunta a Dra Loralei Thornburg. Imagem: University of Rochester

Induzindo problemas

Com o aumento crescente no número de partos programados, é importante para os médicos e para as futuras mães entenderem os riscos associados com a indução eletiva do parto.

Tentando mensurar esses riscos, uma equipe de médicos da Universidade de Rochester, nos Estados Unidos, pesquisou mulheres que estavam dando à luz seu primeiro filho.

As conclusões mostram que induzir o trabalho sem uma razão médica – apenas por conveniência – está associado com problemas para a mãe, incluindo o aumento das taxas de cesárea, maior perda de sangue e um período de permanência no hospital mais longo.

E essa indução não traz qualquer benefício para o recém-nascido. :: LEIA MAIS »

Laser de pulso ultracurto melhora precisão de tratamento odontológico

DA AGÊNCIA USP

POR JÚLIO BERNARDES

Cientistas da USP estão testando o uso odontológico de lasers capazes de emitir pulsos na faixa dos picossegundos e femtossegundos. Imagem: Ag.USP

Tratamento de dentes a laser

O uso odontológico de lasers com pulsos ultracurtos, experimentado na Faculdade de Odontologia (FO) da USP, poderá realizar remoção de cárie de modo mais preciso e sem causar grandes alterações na superfície dos dentes.

No método testado pela dentista Marina Stella Bello Silva, os pulsos mais rápidos atingem uma área menor e possuem uma interação diferenciada com a superfície, que não coloca em risco o tecido dental.

A técnica, ainda não adotada clinicamente, poderá ser usada em aplicações que os lasers comuns não são adotados, como preparo de sítio de implantes e em microcirurgias. :: LEIA MAIS »

Estudo indica que telefone celular altera atividade cerebral

DA BBC

Estudo não concluiu que efeitos o celular tem na saúde humana

Um estudo americano sugere que o uso de telefones celulares por um período prolongado pode afetar o funcionamento de nossos cérebros, ainda que não haja conclusões sobre os efeitos disso na saúde.

Os cientistas dos Centros Nacionais de Saúde dos EUA (NIH) notaram que, após 50 minutos de conversa no celular, havia 7% mais consumo de açúcar no cérebro nas regiões próximas à antena do aparelho. A presença de glicose é um sinal de aumento na atividade cerebral.

A pesquisa, feita com 47 pessoas e publicada no periódico Journal of the American Medical Association, é uma das primeiras a investigar os efeitos fisiológicos do celular ao observar os efeitos de seus campos magnéticos. :: LEIA MAIS »

Pesquisa aponta que gel íntimo pode ser a nova arma contra contágio de HIV

DA AFP

Cientistas conseguiram resultados positivos em testes

Um gel microbicida com antirretroviral Tenofovir, eficaz para impedir a infecção vaginal pelo vírus HIV responsável pela Aids, também pode proporcionar um alto grau de proteção dos tecidos do reto, segundo resultados preliminares de um estudo clínico publicado nesta segunda-feira.

Estes resultados, baseados em biópsias de tecidos retais provenientes de homens e mulheres soronegativos que usaram esse gel regularmente durante uma semana, mostram pela primeira vez que o gel pode ajudar a reduzir o risco de infecção com HIV como consequência das relações anais, destacam os investigadores.

— Estamos verdadeiramente entusiasmados com estes resultados que indicam que a aplicação do gel Tenofovir no reto pode ser promissor para a prevenção de uma infecção com HIV — declarou Peter Anton, professor de medicina na Universidade da Califórnia, em Los Angeles, que realizou o estudo junto a Ian McGowan, da Universidade de Pittsburgh. :: LEIA MAIS »

Folias de carnaval podem representar riscos à saúde

DA GLOBO VIDEOS

Especialistas dão dicas de alimentação, calçados e descanso para que os foliões consigam curtir os dias de carnaval com saúde. Entre as principais dicas estão uma alimentação equilibrada, hidratação do corpo e a prática de exercícios físicos.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia